Acórdão nº 9931050 de Tribunal da Relação do Porto, 21 de Outubro de 1999

Magistrado Responsável:SOUSA LEITE
Data da Resolução:21 de Outubro de 1999
Emissor:Tribunal da Relação do Porto
RESUMO

I - O trânsito em julgado da sentença proferida por um tribunal estrangeiro não se reporta ao acórdão do Tribunal da Relação que a confirmou, mas sim àquela sentença revidenda. II - Assim, o prazo de dois anos para a conversão de separação judicial de pessoas e bens em divórcio, conta-se a partir da data em que a sentença estrangeira que decretou aquela separação transitou em julgado.


    • Este documento está disponível na versão original somente para clientes da vLex

      Veja esse documento e experimente vLex por 7 dias
    • PROVE